terça-feira, 9 de agosto de 2011

Coisa de Menina

Eu tive um quarto rosa quando criança. Acho que só uma ou duas amigas não tinham um quarto desta cor na minha infância. A escolha não foi minha, mas não me importava até uma certa idade. Era um rosa forte, cheio de babados (falar que era a década de 80 explica muita coisa), e com bonecas. Minha mãe sempre adorou bonecas e não se conformava que eu tivesse medo delas. Muito medo.


Mas com o tempo aquilo foi me incomodando cada vez mais até que, quando tive chance, redecorei tudo - de azul marinho. Foi uma libertação! Estava livre do cor-de-rosa na minha vida, para sempre! Passei anos detestando a cor, me recusando a usar qualquer coisa com um pingo de rosa. Um exagero, eu sei.


Hoje encontrei meu equilíbrio. O rosa é feminino, é elegante, é romântico, pode ser glamouroso.

Demorei para perceber isto, e com certeza teria sido diferente se meu quarto fosse diferente - como o destas fotos.


Neutro, claro, aconchegante. Sim, ele tem rosa e babados (até na cúpula do abajur), mas quanta diferença do que se fazia antigamente! O balde esmaltado com flores é uma atração à parte.

Um detalhe rápido: a criança para quem este quarto foi feito disse à mãe que as bandeirolas penduradas pareciam dentes de tubarão. Nada é perfeito.


Fonte: A Rosy Note
....................

Aniversário

Em menos de um mês o blog completa seu segundo aniversário!

9 comentários:

  1. Hhaahaha, teu quarto era aquele rosa HORRENDO da Karsten, né???? KKKKK, o meu também era, mas rolava uma papel de parede suave (rosa, óbvio!) com carneirinhos brancos... kkkk...

    Eu concordo que essa bandeirinhas brancas não ficaram legais! Parecem dentes mesmo. Dava para adicionar um pouco de cor com elas, ué...

    Rosa é muito chique, desde que seja beeeeem suave!

    (Eu ainda não superei o medo que tenho de bonecas - e as atuais são ainda mais apavorantes porque são bebês perfeitos que falam como uma criança de 4 anos de idade! Socorro!)

    Beijo!

    ResponderExcluir
  2. Aqui em casa sempre brincamos que os anos 80 foram terríveis para a moda e para a decoração também.
    Eu sempre dividi quarto com minha irmã, totalmente oposta ao meu estilo então nosso quarto era bege, acho que é por isso que gosto tanmto da cor... estou condiocionada rs.
    Medo de boneca? Essa eu nunca ouvi, tirando o boneco do Fofão que era medonho.

    O quarto é lindo, realmente feminino sem ser exagerado, as flores são lindas.

    Obrigada pela mega dica da Pastilhart, acessei o site e já me animei, muita coisa dentro do meu curto orçamento.
    Nós optamos por não pegar estes materiais com a construtora, além de tudo meio sem graça ainda com valor acima de mercado, aí não dá não é!

    Vou fazer um post com minha mudança de opinião (novamente) sobre o que usar na demi, vou citar vc pela dica ok!

    Obrigada

    Eli

    ResponderExcluir
  3. Menina!! Ri muito do seu post. No meu caso, era diferente: choquei a família ao afirmar que não gostava de rosa e de babados. Eles ficaram tão chateados com minha "falta de feminilidade"!!! Cresci brincando que era meio travesti - nada daquilo me atraía, começando por festas de 15 anos.
    Hoje dou sempre uma chance para o rosa, desde que ele seja o mais neutro possível. Preciso confessar, porém, que ainda não caio de amores por essa cor.

    Grande abraço,

    Márcia

    ResponderExcluir
  4. Eu não tinha um quarto rosa! kkkkkkkkk

    Mas, esse quarto é lindo. Tiraria essas bandeirinhas. Foi a única coisa que não gostei. De resto, tudo perfeito, aconchegante, suave e romântico. Bjs

    ResponderExcluir
  5. Eu sempre quis ter um quarto rosa na infância, mas não consegui...Então, agora, estou tirando o atraso aqui na minha casa no guarda- roupa...rs

    ResponderExcluir
  6. Querida,
    Sonhei com vc esta noite toda!Eu era sua hóspede, e sua casa era numa encosta com vista para o mar e ainda com um laguinho no jardim...rs... E você tinha uma vespa, para enfrentar o trânsito com classe. Era uma anfitriãn doce e gentil, obviamente!...Adorei o sonho!

    ResponderExcluir
  7. OI Débora,
    REalmente vc irá adorar o hotel em Montevideo. Quando for, me conte!

    Adorei a nova Vespa. SErá que tem no BRAsil já??? Engraçado eu ter sonhado com isso, pois não sabia q vc tinha afeição pela Vespa... Eu sempre tive, por achar que é a cara da Itália e ser tão Audrey (em A Princesa e o Plebeu).

    Qto a sua bike, é meu sonho de consumo tb... Pena q o transito de BH e Contagem e nossos morros não favoreçam o uso de bicicleta; pois senão eu iria como as italianas para o trabalho: lindas, penteadas, bem maquiadas e elegantes, com botas de salto, pedalando para o trabalho...rs

    Quem te dou comprou a bike onde, vc sabe?rs

    Beijos!!!

    ResponderExcluir
  8. Oi Débora! Minha mãe nunca foi ligada em decoração e o orçamento era curto, então não faço ideia do que vc está falando. Tá me invejando? Tem mais: meu pai escolheu um azul céu para o meu quarto e eu só tinha umas prateleiras branquinhas e um guarda-roupa, além da cama, nada mais. Ah, a colcha era rosa, claro, pois eu tive uma fase cor-de-rosa! Como os anos 80 eram super brega, a colcha era de cetim, arghhhhh.
    Hum, eu concordo com a menina, essas bandeirinhas são meio não sei, eu dispensaria!
    Bjs.

    ResponderExcluir
  9. Oi querida,
    Sua bike deve ser mesmo fofa...Vi pelos sites aqui e fiquei aqui imaginando o conjunto.Achei essa na Biketech que me fascinou: http://www.biketech.com.br/produto.php?nome=bicicleta-avalon-breeze-20&referencia=1937 (a cestinha é como a sua, não???)Aí em Curitiba dá pra usar muito, né? Fico sempre imaginando q a qualidade de vida ái está a mil anos luz daqui! Qto a VEspa, o precinho da nova é mesmo salgado...Talvez la na Toscana, qdo eu for com a passagem só de ida (como vc a Provence) eu adquira uma...beijos e obrigada pelo o que compartilha sempre!!!!

    ResponderExcluir

Related Posts with Thumbnails