domingo, 6 de maio de 2012

A Arte Do Café


Esta cafeteria de Melbourne não pertence a uma grande marca e soube tirar muito proveito disso: ela é única, cheia de personalidade e ligada ao mercado local de uma maneira absolutamente impossível para as grandes empresas.

A Market Lane compra e faz torrefação de cafés de cooperativas ou fazendas grandes e pequenas (o Brasil é um dos fornecedores). O objetivo é dar destaque a poucas variedades de cada vez, além de também disponibilizar os grãos verdes (grãos que não foram torrados), cafeteiras e outros acessórios para venda.




Eles já dizem no próprio site que não são multitarefas. Nada de leite desnatado, descafeinados ou chás. Com exceção de alguns doces muito bem selecionados em uma vitrine no balcão, você só vai encontrar uma coisa na loja: café.



A cada visita você pode ter uma experiência nova, já que a cafeteria só serve as variedades da estação (ou seja, os sabores mudam sempre).



Outro ponto interessante é o Coffee Club: os mensalistas recebem os grãos em casa, quinzenalmente. Os cafés selecionados são o que há de melhor no período. Cada entrega acompanha uma carta contando mais sobre o produto e inclui também uma fotografia da fazenda de origem.




Peritos em café, eles ensinam todos os segredos desta arte através de aulas sobre técnicas de extração do café e torrefação (cada sessão é aberta para 3 ou 4 alunos, no máximo).

Mesmo que você não seja um aficcionado em café, dificilmente não vai ficar encantado pelo Market Lane. A decoração de estilo industrial é uma das minhas preferidas para este tipo de estabelecimento: é elaborada, cheia de detalhes, mas mesmo assim tão casual. É elegante e ao mesmo tempo despretensiosa.Um lugar para saborear sem pressa.


Fonte: Market Lane

2 comentários:

  1. Hummm...Que delícia! Acabei de fazer um bolo aqui, que quentinho combinaria bem com uma xícara desse café...

    ResponderExcluir
  2. Debora, o lugar parece incrivel mesmo, adorei a ideia do coffee club, pense que maravilha!
    Sempre aprendendo com vc, "decoração industrial", meu marido queria que nossa cozinha fosse algo assim, mais rustico, madeira, aço escovado, metal... ele adora, não sabia um nome para o estilo, agora que sei posso pesquisar mais referencias.

    Menina, a casa nova esta igual, com o assalto tivemos que colocar todos nossos recursos (financeiro, emocional e tempo) para repor os itens levados e reforçar a segurança da casa. É muito triste mas passou, eu procuro esquecer mas meu marido ficou muito chateado e de vem enquando toca no assunto com bastante mágoa (para não dizer coisa pior).
    Meu quarto atual esta um horror, não quero furar as paredes ou pendurar nada até decidir como será a decoração, então, hoje é aquela pequena comoda que aparece na revista e a cama.. só, assim que as coisas folgarem vamos começar a arrumar, por enquanto tenho selecionado umas imagens para inspiração.
    Aos poucos e com paciencia a casa vira um lar, lembro que uma vez vc deixeou um recadinho falando sobre o prazer de decorar aos poucos, vamos fazer assim.
    Uma ótima semana para vc também.
    Obrigada por visitar o blog novo.

    Bjs

    ResponderExcluir

Related Posts with Thumbnails