segunda-feira, 18 de novembro de 2013

Por Muitos Anos


Eu não pensaria em decorar um quarto infantil (ainda mais de um bebê!) com paredes grafite, mas aqui está a prova que isto funciona.

A combinação com a madeira dá um ar bem industrial à decoração, que em geral é bem rústica (viram a gaveta com tinta para quadro-negro?).

E tem uma característica que eu considero importante em quartos para crianças: a base é neutra, enquanto que os detalhes e as cores são inseridos através de roupas de cama e acessórios que podem ser facilmente substituídos conforme a criança cresce e seus interesses mudam.

Sim, mudam - e rápido! Se mesmo um adulto evolui no seu gosto, imagine uma criança. Então, para os pais, meu conselho é sempre fazer um quarto que tenha vida longa, o que funciona para a maioria das pessoas (a menos que você e sua conta bancária não se importem de redecorar tudo a cada dois ou três anos).

Boa estrutura, muita flexibilidade. Não tem como errar!

Tenham uma ótima semana!














Imagens: Marsel Roothman via The Pretty Blog

3 comentários:

  1. Oi Débora! Obrigada pelo livro, é um amor! Estou encantada com ele, nem quis abrir ainda :) Quero saborear o momento junto com o Gabi.
    Ah, esse quarto é lindo! Até os bichinhos de pelúcia são lindos. Outro dia eu sonhei que eu já tinha construído o quarto dos meninos (só em sonho) e queria pintar as paredes de chocolate. Muito estranho! Bjs.

    ResponderExcluir
  2. Nossa, que surpresa. O quarto ficou lindo, mesmo com cores que a princípio julgamos não serem apropriadas para os aposentos de um baby. adorei!

    ResponderExcluir
  3. Débora, o quarto é lindo,eu não gostei da parede escura, não usaria, mas os moveis e acessórios estão lindos. EU QUERO AQUELAS MALAAAAASSSS!!! UM BJ no seu coração.

    ResponderExcluir

Related Posts with Thumbnails