quinta-feira, 28 de janeiro de 2010

Homenagem ao Passado


A residência, adquirida em 2005, fica no Estado do Maine, nos Estados Unidos. O casal procurava uma casa que acomodasse as filhas já adultas e outros membros da família.


Foi necessário muito trabalho para recuperar a beleza original da casa e as mudanças necessárias foram estudadas por um ano, até que em 2006 os proprietários contrataram Linda Banks para executar suas idéias - quem, aliás, já haviam contratado em duas outras oportunidades, e que por este motivo já estava bastante familiarizada com as preferências do casal.


Linda Banks então apresentou aos clientes a companhia Flying Point Construction, especializada em restaurações, e que já havia trabalhado na residência da própria profissional.


E o serviço foi enorme: a propriedade havia sido construída na metade do século XIX, quando não havia água encanada. Pequenos banheiros foram acrescentados com o passar dos anos, mas tiveram que ser removidos ou relocados para acomodar os equipamentos modernos. No final, o menor quarto disponível foi sacrificado para dar lugar a dois confortáveis banheiros.

Um antigo banheiro foi removido para dar lugar
a esta biblioteca com vista para a baía.

Muitos dos detalhes de época, originais da construção da casa, foram preservados durante o processo de modernização. Os espaços, entretanto, sofreram várias reconfigurações para deixar o imóvel mais cômodo.

Na sala de jantar, o pendente evoca as formas
de um astrolábio


A decoração adota um tema de viagens marítimas, remetendo ao passado náutico da casa. Banks escolheu uma paleta de cores neutra, com marrons, verdes e azuis.


Desde que conheceram o imóvel, os proprietários pesquisaram continuamente a história da residência. Construída pelo capitão Ambroise Child entre o período de 1855 e 1862, ela foi vendida para outra família na virada do século, depois que o capitão e seu filho desapareceram no mar. Por um tempo ainda foi parte do Hotel Edgemere, na propriedade vizinha.


Com luz natural abundante, objetos decorativos já pertencentes à família (que passa os verões na região há seis gerações) e repleta de detalhes de época, cuidadosamente restaurados durante a renovação, a residência não apresenta apenas uma arquitetura bem sucedida, mas é carregada de história: muito além do que qualquer pessoa desejaria para uma casa à beira-mar.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts with Thumbnails